Séries


 

Postagens

Homem-Grilo por Denilson dos Santos

Homem-Grilo por Denilson dos Santos

Esta espetacular ilustração do Homem-Grilo completamente pintada a mão foi feita pelo Denilson dos Santos. Ficou muito foda, né? Sem dúvida é uma das melhores ilustração do meu personagem que já fizeram. Algum dia ainda vou contratar esse cara pra ser capista do Homem-Grilo. =)

E se você também estiver a fim de fazer um ilustração do Homem-Grilo ou qualquer outro personagem do universo HG, mande-a para mim que terei o maior prazer de adicioná-la a nossa galeria de imagens.

A Garota Cri-Cri

Garota Cricri - Sketches por Ricardo Marcelino

Esses esboços acima feitos pelo Ricardo Marcelino são da Garota Cri-Cri, a mais nova personagem do universo HG. Pode ser que mude um detalhe ou outro no visual final dela, mas a personagem é basicamente essa aí que vocês estão vendo.

A Garota Cri-Cri vem para atender um pedido antigo das leitoras do Homem-Grilo (sim, elas existem!) que reclamam, e com razão, que não há nenhuma super-heroína no universo HG. Bem, existe a Maravilhosa, mas ela não conta, não porque não seja uma personagem feminina, é claro, mas sim porque ela é uma personagem estereotipada (ainda que propositalmente), ou seja, uma super-heroína construída sobre um estereotipo machista; a típica heroína peituda e com pouca roupa feita pra atender aos fetiches dos nerds adolescentes.

Então estava faltando no universo HG uma super-heroína que não fosse estereotipada e com que as mulheres realmente se identificassem. O problema é que meu conhecimento sobre as mulheres é uma lástima. Por mais que eu tente entendê-las, eu não consigo. Quanto mais eu aprendo sobre elas, mais eu descubro que não sei nada sobre o universo feminino. Por isso, para não cair no erro de criar uma personagem estereotipada (mesmo que sem querer), convidei a minha amiga Jubi pra me ajudar nesta tarefa. Aliás, ela quem realmente merece os créditos pela Garota Cri-Cri, pois a personagem não existiria se não fosse por ela.

Em breve teremos as tiras de estréia da Garota Cri-Cri, e eu espero que vocês, principalmente as mulheres, gostem dela. Mas diante das sagazes e inteligentes sacadas da Jubi para a personagem, eu tenho certeza de que vocês se divertirão com a Garota Cri-Cri.

Em tempo, existe um teoria que diz que se um homem algum dia conseguir entender as mulheres, todas elas desaparecerão e em seus lugares surgirá um ser mais estranho e incompreensível ainda. E existe uma segunda teoria que diz que isso já aconteceu. =)

Super-Heróis Brasileiros

Tira de Anicersário do Bucha

Este quadro é parte da tira de aniversário do Bucha, personagem do Samuel Bono, na qual ele faz uma homenagem a diversos super-heróis brasileiros, incluindo até mesmo um certo super-herói que foi mordido por um grilo radioativo – se é que o grilos mordem, é claro! =)

É interessante notar que boa parte dos personagens apresentados aí são super-heróis burlescos. O que é um forte indício a favor da minha teoria de que um super-herói brasileiro só funciona bem na forma de paródia ou humor. Notem que o leitor brasileiro de quadrinhos aceita os super-heróis norte-americanos com naturalidade, mas não consegue encarar da mesma forma um super-herói brasileiro, ainda mais se este for construído sobre os moldes do super-herói norte-americano (como é o caso do Homem-Grilo). Esse arquétipo de personagem, se inserido na nossa realidade cultural e social, acaba se tornando involuntariamente fake.

Não estou dizendo com isto, no entanto, que é impossível criar um bom super-herói brasileiro “a sério”. Sim, é possível. Mas para isto, acredito, deve-se abandonar completamente o arquétipo de super-herói construído pelos norte-americanos, e se voltar para o arquétipo de herói clássico. E começar a trabalhar no personagem a partir daí. Aí sim poderia sair algo bom que não soasse como pastiche.